0
Posted 6 de março de 2014 by Brazil Gay Tourism in Blog
 
 

FINAL DE SEMANA EM FOZ DO IGUAÇU

A cada ano milhares de turistas chegam a Foz do Iguaçu para vislumbrar uma das sete maravilhas do mundo. A cidade, além das principais atrações turísticas, se tornou recentemente um novo destino gay friendly com sua variedade de estabelecimentos. Certamente vale a pena passar pelo menos um final da semana lá. Na fronteira entre Argentina e Paraguay é onde estão localizados os principais pontos turísticos.

Neste artigo apresentaremos um  plano de dois dias com visitas as principais atrações turísticas.

Primeiro dia

Lado argentino 

O Parque Nacional Iguazú foi criado em 1934 e tem a área de 67.620 hectares. 14 de 19 cataratas são localizados no lado argentino. O parque possui varias trilhas com mirantes para desfrutar a natureza. Ele abre às 8 horas, e para visitar o máximo possível, recomendamos chegar cedo. Lá sempre tem um monte de turistas, por isso prepare-se para passar um tempo nas filas, especialmente na entrada dos mirantes. O preço da entrada para turistas do Mercosul varia em torno de  R$40.

Após a entrada, primeiramente, deve-se fazer a trilha que leva a Garganta del Diablo, uma das cataratas mais famosas. Para chegar deve-se pegar o trem na estação perto da entrada central, e depois uma caminhada seguindo as placas que dura, mais ou menos, 20 minutos.

Se tiver fome tem o restaurante La Selva, que serve comida tradicional. É uma boa oportunidade de provar a carne argentina.  Após o almoço, deve-se fazer a outra trilha chamada Circuito Superior, que leva você ao outro lado das cataratas, duração mais ou menos uma hora. Se você quiser conhecer a parte interior do parque, escolha a trilha Circuito Inferior, mas prepare-se caminhar pelo menos duas horas. Ademais o Parque Nacional Iguazú tem varias opções na área do ecoturismo, como rafting, rappel,  arvorismo e etc. Além de tudo, se desejar a vista panorâmica de todo território das cataratas, o parque oferece um passeio de helicóptero que dura aproximadamente meia hora e custa em torno de R$250 por pessoa. Maiores informações sobre o parque, acesse o website oficial.

Depois do parque, vale a pena ficar um pouco mais na cidade Puerto Iguazú para provar famoso bife de chorizo do El Quincho Del Tio Querido, e desfrutar o resto da noite no Casino Iguazú localizado perto da fronteira brasileira.

Segundo dia

Lado brasileiro 

O Parque Nacional Iguaçu foi criado em 1939, e possui 5 das 19 cataratas localizadas no território de 185.262 hectares. O território inclui diversas trilhas, opções para ecoturismo, e etc. Se você ainda não decidiu onde ficar, há a possibilidade de acomodação no território do parque no Hotel das Cataratas. Se optou por ficar na cidade, aconselhamos sair cerca de 8 hrs da manhã para visitar o Parque das Aves, o aviário com grande variedade de espécies das aves, como tucanos, araras, flamingos e etc., que fica no caminho das cataratas.

Tente entrar no Parque Nacional de Foz do Iguaçu antes do meio dia para conhecê-lo com calma . É muito mais confortável comprar os ingressos no website oficial do parque para evitar a fila na entrada. Pegue o mapa do território com os pontos de ônibus para facilitar o seu passeio. Antes de fazer as trilhas você pode almoçar no restaurante Porto Canoas, que tem vista para cataratas. Depois do almoço recomendamos escolher umas das opções: Macuco Safari ou Trilha do Poço Preto.

Macuco Safari tem duas partes: tour com guia através do parque e passeio de barco inflável, que leva você até as cataratas. O preço é R$120 e tem duração de aproximadamente duas horas.

Trilha do Poço Preto é uma trilha de 9 km no interior do parque que dá pra fazer de  quadricículo, bicicleta ou simplesmente caminhando. A duração é cerca de 4 horas.

Depois do Parque Nacional de Foz do Iguaçu, você pode relaxar na saunas gay friendly Sauna 629, localizada no Centro na Rua Almirante Barroso 629. Para dançar tem a balada gay friendly Space Free Dance que é lotado no final de semana. Além disso existe a possibilidade de visitar uma das maiores lojas Duty Free da América Latina que é localizada em Puerto Iguazú perto da fronteira, ou se não, simplesmente relaxar dentro do próprio hotel, pois a maioria dos hotéis em Foz do Iguaçu possuem infra-estrutura completa com jacuzzi,  piscinas, restaurantes e etc.

Informações importantes

Se você gostou da idéia passar alguns dias em Foz do Iguaçu, há algumas informações que deve saber antes de viajar.

- Planejando visitar o lado argentino de carro não esqueça de fazer o cartão verde na imigração.

- Leva roupas confortáveis, chinelos e tênis. Você vai caminhar muito, e ficará muito complicado se seus pés começarem a doer depois dos primeiros 30 minutos.

- Pensando em fazer Macuco Safari, lembramos que é um passeio molhado, pois o barco se aproxima muito ás cataratas e por isso é melhor usar roupas que secam rápido. Também aconselhamos deixar a máquina fotográfica no armário do píer, pois a possibilidade estraga-la é grande, de qualquer maneira o guia vai tirar as fotos e fazer o vídeo que pode ser comprado logo após ao passeio.

- Além do terminal rodoviário, Foz possui aeroporto, sendo assim você pode escolher o meio de transporte mais adequado.

- A maioria dos hotéis oferecem o transporte gratuito até os principais pontos turísticos, procure conferir informações e horários na recepção.

- A maioria das atrações turísticas fica perto da fronteira, sendo assim não vale a pena procurar um hotel no centro da cidade devido à distancia dos mesmos.